Prótese de Mamas / Manoplastia de Aumento

Seios

É a conhecida colocação de prótese mamária, o popular silicone (material que compõe a prótese). Quem recorre a essa cirurgia geralmente possui as mamas proporcionalmente menores que seu tórax. Pode ser percebido após a puberdade, ou após perdas de peso significativas ou após o período de lactação, na gravidez. Existem atualmente três técnicas cirúrgicas para a inclusão mamária: sulco inframamário (por baixo dos seios), aréola ou axilas. As próteses modernas são preenchidas com gel coesivo, que não vaza mesmo em um eventual rompimento.

Agende uma consulta
seios
cirurgia-seioa
seios2

dúvidas

frequentes

  • Qual a duração do procedimento?

    Em média, 90 minutos.

  • Qual o tipo de anestesia utilizada?

    A mamoplastia de aumento pode ser feita com anestesia geral, peridural ou local com sedação leve.

  • Como ficará a cicatriz?

    A cicatriz fica bastante disfarçada, tornando-se quase que imperceptível. O tipo e localização da cicatriz vai ser diretamente influenciada pelo tipo de incisão feita no paciente.

  • Qual resultado devo esperar?

    Já a partir do 3º mês considera-se que o resultado da cirurgia plástica é o definitivo. O aumento das mamas é o resultado almejado, somado a uma melhor consistência e forma das mesmas. O volume a ser aumentado pode ser escolhido, entre diversos tamanhos e formatos de prótese que o cirurgião, em consulta prévia, apresentará como opções para cada caso. Deverão ser mantidas as proporções entre o volume das mamas e o tamanho do tórax de cada paciente, a fim de se obter uma maior harmonia estética. 

  • Posso engravidar posteriormente?

    O seu ginecologista lhe dirá da conveniência ou não da gravidez. A gestação, na maioria das vezes não interfere no resultado da cirurgia, visto que é realizada habitualmente "fora do tecido mamário".

Siga no Instagram

@maxiplastica